Colunista Marcio Serikako Destaque

ADEUS CAPITA

Olá amigos internautas do Futebol Alegria e Debate, na manhã cinzenta do dia 25 de outubro, terça-feira, o nosso capitão Carlos Alberto Torres, veio a falecer com 72 anos, após sofrer um infarto fulminante, em sua casa.

Carlos Alberto Torres, nasceu em 17 de julho de 1944 no Rio de Janeiro, precisamente na Vila da Penha.  Foi revelado pela equipe do Fluminense, sendo medalhista de ouro nos jogos pan-americanos.

Um dos maiores jogadores da história em sua posição, Lateral direito, ele foi o capitão da Seleção Brasileira que levantou o troféu na Copa do Mundo FIFA em 1970 no México, onde a seleção canarinho com seu futebol arte tornou-se a primeira tri campeã, podendo levar para a casa a Taça Jules Rimet, recebendo o carinho apelido de CAPITA.

fadebate_carlos_alberto_torres

Carlos Alberto fez história em todos os times que jogou, e em 2004 foi nomeado por Pelé um dos 125 melhores jogadores vivos do mundo.

Após encerrar a carreira como jogador, foi fazer sua carreira como treinador e  em seu primeiro ano foi campeão brasileiro pela equipe do Flamengo em 1983.  Podemos destacar mais algumas equipes brasileiras que Carlos Alberto foi treinador, como o Fluminense, Corinthians, Náutico, Botafogo, Atlético Mineiro e finalizando sua carreira de treinador no Paysandu.

Após encerrar sua carreira de jogador e treinador, Carlos Alberto foi eleito vereador no Rio de Janeiro (1989 a 1993), ocupando a vice-presidência, e a primeira secretaria da câmara dos vereadores da cidade do Rio de Janeiro.

Atualmente era comentarista do canal pago SporTV, onde teve sua última aparição dois dias atrás no programa Troca de Passes.

O Futebol Alegria e Debate faz está singela homenagem ao Capita e nossos sinceros sentimentos à família.

De mãos em oração.

Um forte e caloroso abraço

Futebol Alegria e Debate, o seu portal do esporte

marcio_serikako