Colunista Bruno Pavan Destaque

BRASILEIRÃO: TRISTE E VAZIO!

Triste, truncado, vazio e sem cor. Assim começou o campeonato Brasileiro. Sem nenhum demérito aos times que pularam na frente, mas o Brasileirão começou de uma forma melancólica.

Não bastasse coincidir com as retas finais de Copa do Brasil e Libertadores, onde seis times do mais fortes do país estão envolvidos, existi a ressaca dos que foram eliminados recentemente da competição sul-americana e os desfalques que a Seleção deixou.

Vasco, Atlético Mineiro, Grêmio, Internacional e Cruzeiro pularam na frente na competição. Destes, não acredito que o azul de Minas Gerais brigue até o final pelo título. Os outros tem time e elenco para brigarem. E deram um passo importantíssimo para o restante do campeonato.

O líder Vasco, por exemplo, abriu seis pontos de São Paulo e Fluminense, nove do Santos e 11 de Corinthians e Palmeiras.

Digo que o campeonato começou mal, não pelo fato dos times envolvidos em outras competições estarem lá atras. Isso aí é problema de cada um, O Grêmio está na Copa do Brasil e vai bem no Brasileirão, digo que começou mal por conta do público baixíssimo nas primeiras rodadas.

A estreia de Ronaldinho Gaúcho no Galo levou sete mil pessoas ao Pacaembu. Não sei se o Palmeiras abrisse mão da alguns ingressos e aceitasse dividir o Pacaembu com a grande torcida do Galo em SP iria ser muito diferente.

Santos e São Paulo fizeram um clássico que muita gente nem se lembrava que iria acontecer, e não rendeu mais do que duas páginas nos jornais de segunda-feira. 6 mil pessoas se “arriscaram” no Morumbi.

Em tempos de marketing milionário, não conseguir encher um estádio em dia de clássico é um sinal de que alguma coisa está errada.

Bruno Pavan

bruno.pavan@yahoo.com.br

bruno.pavan@andressoares.com