Crônicas Destaque

CAMPEÃO DOS CAMPEÕES

Esse historia de campeão vem sendo contada pelo meu avô a muito tempo atrás. A primeira dificuldade que o Corinthians encontrou foi de quebrar um tabu de 12 anos sem ganhar do Santos de Pelé.

O dia 06 de março de 1968 amanheceu radiante. Meu avô pegou o meu pai, que tinha 13 anos de idade e levou para o Pacaembú dizendo: “ É hoje meu filho. É hoje que o Corinthians vence o Santos”.

Foi mais um grande jogo entre as duas equipes, mas o salvador daquela noite foi o atacante Paulo Borges que num belo chute de fora da área abriu o placar e concretizou a vitoria por 2×0 diante do Santos e com Pelé em campo.

Uma vitoria de lavar a alma. Caiu o primeiro tabu.

O segundo tabu se arrastava por 23 anos sem vencer o campeonato paulista. Esse foi vivido pelo meu avô e sofrido pelo meu pai. Era um tabu que mexia com todas gerações de corinthianos do país. Mas no dia 17 abril de 1977 com mais de 215 mil torcedores aglomerados no Morumbi, Basilio fez o gol salvador diante a Ponte Preta.

Meu pai estava na arquibancada e conta que a emoção desse gol foi tão grande que o titulo foi comemorado por três dias consecutivos. Ali esta nascendo a nação corinthiana.

Mais um tabu sendo quebrado.

O terceiro tabu a ser quebrado era conquista de um titulo brasileiro. Infelizmente o meu avô, não viveu a emoção de comemorar o seu primeiro titulo brasileiro. Mas essa historia foi vivida pelo meu pai e por mim.

Era exatamente 90 anos que o Corinthians não conquistado um titulo brasileiro. O Corinthians era conhecido como um time regional, pois só ganhava campeonato paulista. De toda forma o grande jejum foi quebrado no dia 16 de dezembro de 1990, quando Tupãnzinho marcou o gol que deu a vitoria por 1×0 em cima do São Paulo.

Outro tabu quebrado.

Em 14 de janeiro de 2000, o Corinthians conquistou o seu primeiro titulo Mundial da FIFA. Para muitos esse titulo não vale nada, mas para a FIFA e para todos os corinthianos vale e vale muito.

Meu pai não estava presente, mas eu compareci ao Maracanã e vivi mais uma alegria juntamente com 5 mil torcedores que mais uma vez estavam aglomerados e felizes por mais uma conquista.

Tabu quebrado.

A data 04 de julho de 2012 entrou para a historia do futebol Brasileiro, Mundial, das Américas e para toda a vida da nação corinthiana. Isso porque o Corinthians quebrou o seu quinto tabu e o maior de todos.

Conquistou a sua primeira taça da Libertadores da América. Um titulo inédito que faltava para completar a galeria de troféus da equipe Alvi Negra de Parque São Jorge.

Foi uma noite perfeita. Um Pacaembú lotado com mais de 40 mil torcedores, aglomerados e enlouquecidos com a vitoria e o titulo. Meu pai, minha irmã eu comemoramos como nunca fizemos antes.

Finalmente quebramos todos os tabus existentes. Para ser ainda mais perfeito, o Corinthians foi o primeiro time brasileiro a vencer uma equipe argentina numa final de Libertadores.

Foi uma conquista invicta de 14 jogos com 8 vitorias e 6 empates. Com 26 gols marcados e 4 sofridos com um saldo de 22 gols.

Esse é o Corinthians CAMPEÃO DOS CAMPEÕES.

Corinthians tem brasileiro, tem mundial, tem libertadores e tem estádio.

FALTA O QUE AGORA?

Escrito por André Soares

andre@andressoares.com