Destaque Entrevista

ENTREVISTA – NICOLAS MASSAO FERREIRA SILVA

O portal Futebol Alegria e Debate, é um espaço onde falamos de todos os esporte e é com muita satisfação que trazemos a entrevista com o nosso esgrimista  brasileiro Nicolas Massao Ferreira Silva, um atleta que vem se esforçando para poder disputar as olimpíadas de 2016 no Rio de Janeiro.

Ele tem totais condições de estar representando o Brasil.

Essa entrevista tem o objetivo de aproximar ainda mais o atleta ao povo brasileiro e familiarizar a todos sobre a esgrima, que não é tão divulgado como deveria ser.

Desde já agradeço ao Nicolas por receber nosso colunista Marcio Serikako e ter desprendido um pouco do seu tempo para conceder essa entrevista.

Nome: Nicolas Massao Ferreira Silvafadebate_nicolas_3

Nascido em: São Paulo/SP

Atualmente mora: São Paulo/SP

Esporte: Esgrima

Categoria: Espada

FADebate – Fale um pouco de você, nos conte o que gosta de fazer em suas horas vagas? Você tem algum hobbie que fuja do seu esporte?

NICOLAS – Na verdade minha vida tem sido muito corrida. Conciliar a faculdade com os treinamentos e competições é uma árdua tarefa! Sendo assim, quando não estou treinando ou competindo, estou estudando!

FADebate –  Onde surgiu a paixão pela esgrima?

NICOLAS – Minha mãe era professora de natação e desde bem pequeno eu já a acompanhava nas aulas. Meus pais sempre souberam da importância do esporte para o desenvolvimento dos filhos e sempre incentivaram que eu e meus irmãos praticássemos alguma atividade. Com o passar do tempo eu fui demonstrando que a natação não era muito a ‘minha praia’ e com isso meus pais me levaram ao Ginásio do Ibirapuera em São Paulo para me candidatar a uma vaga em alguma modalidade. Com a idade que tinha na época, podia optar entre natação, tênis ou esgrima. Não fazia ideia do que se tratava esgrima e a curiosidade me fez optar por ela. Fui sorteado, iniciei os treinos e me apaixonei logo de cara!

FADebate –  Como é praticar um esporte não muito conhecido no Brasil?

NICOLAS – É bem diferente! A esgrima gera muita curiosidade nas pessoas, o fato de se usar armas e ser um esporte de combate assusta um pouco. Normalmente me perguntam se a espada corta, fura ou machuca, mas a realidade é completamente diferente! Acredito que a única forma de tornar a esgrima um esporte mais popular é conquistando um grande resultado e a Olimpíada do Rio é uma grande oportunidade!

FADebate – Qual sua expectativa para as Olimpíadas no Brasil?

NICOLAS – As minhas expectativas são as melhores possíveis! A equipe de esgrima vem se preparando muito para o ano que vem. Temos conquistado resultados históricos e estamos começando a nos destacar no cenário internacional! Tenho plena consciência que esses Jogos Olímpicos serão o primeiro grande passo para a ascensão da esgrima no Brasil!

Estou na briga direta por uma vaga e tenho competições importantíssimas até a definição dos atletas convocados, que será apenas no ano que vem.

fadebate_nicolas_1

FADebate – A menos de um ano para as Olimpíadas, em que o Comitê Olímpico Brasileiro (COB) está te ajudando?

NICOLAS – Nós atletas não tratamos diretamente com o COB. Essa comunição é feita diretamente com as confederações. A CBE (Confederação Brasileira de Esgrima) tem apoiado os primeiros colocados do ranking nacional possibilitando o custeio das viajem competitivas.

FADebate – Sabemos que no Brasil somente o futebol tem apoio, como você encara seu treinamento? As vezes tendo que treinar fora do país e a distância de sua família, como você encara isso?

NICOLAS – A esgrima é esporte tipicamente europeu e grande parte das etapas internacionais se concentram lá. Assim, para vislumbrar resultados expressivos internacionalmente temos que ganhar mundo, treinar com atletas de altíssimo nível e se acostumar com o ‘ritmo de competição’. Todo ano realizo um estágio de treinamento na Europa e isso tem refletido muito em meu desempenho.

 O fato de ficar em um país de cultura diferente,  longe de casa e da família não é fácil, mas se você tem objetivos grandiosos e bem traçados, essas privações se tornam menos difíceis.

Desde 2009, quando o Brasil foi definido com país sede dos Jogos Olímpicos, decidi dedicar a minha própria vida para realizar o sonho de participar dessa competição. Eu  prefiro assistir a Olimpíada pela TV com o sentimento de “eu fiz o máximo, mas não fui capaz de me classificar” ao invés de “e se eu tivesse me dedicado mais?”.

FADebate – Você hoje conta somente com o apoio de sua família ou você tem patrocinador?

NICOLAS – Com apoio de meus patrocinadores tenho conseguido custear as etapas internacionais e manutenção de minha vida esportiva.

fadebate_nicolas_2

FADebate – Como praticante do Budismo de Nichiren Daishonin, o que a filosofia te ajuda em seu desempenho esportivo?

NICOLAS – Desde que nasci meus pais já eram praticantes do Budismo de Nichiren Daishonin, dessa maneira, fui educado sob os princípios budistas. Baseio toda minha vida de acordo com esses princípios e isso contribui para o fortalecimento constante de minha determinação. Mesmo nas circunstancias mais adversas o mantra budista me ajuda a não desistir do meu objetivo e do meu sonho, mesmo que tudo pareça conspirar ao contrário!!

FADebate – Hoje o Futebol Alegria e Debate é um portal de esporte, que esta sendo acessado em 85 país, em todos os estados do Brasil e em mais de 1.200 cidades no Brasil. Qual a mensagem que gostaria de deixar para o nosso público?

NICOLAS – A Esgrima é um esporte apaixonante! Tenho certeza que todos que conhecerem um pouco sobre o jogo e as regras irão gostar. Estamos muito próximos do Jogos Olímpicos Rio2016 e nossos atletas estão se dedicando ao máximo, vamos prestigia-los e apoia-los nessa reta final! Muito obrigado!

Com certeza vamos torcer para que Nicolas possa conquistar a sua qualificação e assim poder representar o Brasil em 2016.

Futebol Alegria e Debate, o seu portal do esporte.

Abraços,

marcio_serikako