Destaque Esportes

FASE ENCERRADA

Chegamos ao fim das oitavas de finais da Liga dos Campeões, com dois recordes quebrados, o de gols marcados e a marca de Guardiola que pela primeira vez não passa das oitavas de finais da competição.

As partidas foram dentro do previsto. Emocionantes, bem jogadas e com resultados esperados, ou previstos.

Jogando em casa a Juventus nem precisou se esforçar muito para conquistar a sua classificação.

Com a vitória de 2×0, em Portugal, a Juve poderia jogar dentro da sua melhor tática, se defendendo bem e contra-atacando com muita força e qualidade.

Já o Porto teria que superar tudo e a todos para conquistar a classificação. Só que com 11 era difícil, imagine com 10 de novo. Após a expulsão de Max Rodrigues, ficou tudo mais difícil.

Essa era a única partida que estava em aberto. Tanto o Sevilla ou o Leicester tinham chances de avançar.

Com a derrota por 2×1 fora de casa e com a demissão do seu treinador, o Leicester precisava vencer por 1 gol e conquistar a classificação.

Falando em demissão, os jogadores do Leicester resolveram jogar e correr mais do que nunca. Olha vou falar uma coisa, ninguém fala abertamente, mas jogador derruba sim treinador. Depois que mandaram embora o Ranieri, o time conseguiu três vitórias seguidas e estão jogando o futebol que encantou a todos na temporada passada.

Uma coisa que me incomoda é a ingratidão, pois o time chegou às quartas de finais, porque no ano passado, o time foi campeão inglês com esse treinador.

Mas em fim esse é o Mundo do futebol.

Mesmo com a vitória por 5×3 jogando em casa, o Manchester City corria muitos perigos jogando em Monaco, tudo porque a equipe que tem mais gols na temporada no Mundo é simplesmente a do Monaco.

Sem seu artilheiro, Falcão Garcia, o Monaco foi pra cima e queria reverter logo a diferença que poderia trazer a sua classificação.

Tanto que logo no início da partida fez 1×0 antes dos 8m de partida colocando pressão nos ingleses.

O gol assustou a todos e sem se encontrar na partida, o City viu ainda no primeiro tempo, o Monaco marcar o seu segundo gol que já daria a classificação.

Bom foi o segundo tempo, onde o City foi pra cima. Guardiola já tinha dito que para se classificar seu time precisaria fazer um gol. E com esse pensamento os ingleses conseguiram fazer 2×1 e colocar a mão na vaga.

Só quando você joga contra um time que tem mais de 3 gols de média por partida, você não pode vacilar. O City vacilou e viu o sonho de ir as quartas de finais escorrer entre os dedos.

 

Com o resultado conquistado fora de casa, o Atlético de Madrid jogou com muita tranquila e segurou o Leverkusen até o final.

O empate de 0x0 foi o suficiente para a equipe de Simione avança às quartas de finais pelo terceiro ano seguido da competição.

Será que vamos ver o Atletico de Madrid novamente numa final?

Tudo vai depender do sorteio de sexta feira, que não tem trava e os confrontos podem ser livre. Podemos ter um Real Madrid x Barcelona. Ou Barcelona x Atletico de Madrid.

Vamos aguardar.

Um grande e forte abraço

Futebol Alegria e Debate, o seu portal do esporte

1 Comentário

Postar um comentário

  • Vamos Lá Real x Mônaco, Barcelona x Leicester, , Borusia x Juventus, Bayer x AtleticoMadri.