Colunista Marcio Serikako Destaque Olimpíadas

FIM DOS JOGOS OLÍMPICOS

Olá amigos internautas do Futebol Alegria e Debate, ontem finalizou-se o 31º Jogos Olímpicos da Era Moderna. Muitos recordes batidos, muitas decepções, muitas despedidas, mas acreditamos o que prevaleceu foi a superação, a importância de competir e claro o espírito olímpico.

Na cerimônia de encerramento com o Show de músicas e apresentações mostrando pontos da cidade do Rio de Janeiro como Urca, Pão de Açúcar, Cristo Redentor e sobre a nossa flora e fauna, culminando nos arcos olímpicos e após o Hino Nacional e a entrada de todos atletas.

Tivemos a parte política de transferir a bandeira olímpica da cidade do Rio de Janeiro com o prefeito do Rio senhor Eduardo Paes passando ao presidente do Comitê Olímpico Internacional senhor Thomas Bach, passando para a governadora de Tóquio, senhora Yuriko Koike.

A apresentação do comitê local da próxima olimpíadas que será realizada no Japão, apresentou sua logomarca, culminando com a presença do primeiro ministro do Japão, senhor Shinzo Abe.

Gostaria de destacar alguns momentos que ficarão gravados na histório dos jogos olímpicos:

fadebate_phelps

  • O monstro Michael Phelps, que ganhou 28 medalhas olímpicas, sendo 23 de ouro, dando adeus aos jogos;
  • O imbatível Usain Bolt que fez história sendo tricampeão olímpico em três modalidades, nas últimas três olimpíadas seguidas;

fadebate_bolt

  • Simone Biles em sua estréia nas olimpíadas ganhou 5 medalhas, sendo 4 de ouro;
  • A medalha de bronze conquistada por Poliana Okimoto na maratona aquática, após a desclassificação da atleta da França;
  • Agora as medalhas conquistadas na ginastica por Arthur Zanetti (prata) argolas, Diego Hypólito (prata) e Arthur Nory (bronze) no solo;

fadebate_maratona_aquatica

  • O ouro do Boxe com Robson Conceição;
  • O salto com vara de Thiago Braz, conquistando o recorde olímpico e a medalha de ouro;
  • Na vela na classe 49er, a medalha de ouro conquistada com Martine Grael e Kahena Kunze;
  • O vôlei de praia conquista o ouro com Alison e Bruno Schmidt, com muita emoção após vários problemas de superação dos atletas;

fadebate_boxe

  • As três medalhas conquistadas em uma única edição das olímpiadas na canoagem com o Isaquias Queiroz, sendo o primeiro brasileiro na história das olimpíadas a realizar tal feito;
  • A inédita medalha de ouro com o futebol masculino, ganhando nos pênaltis da Alemanha, agora aguenta o Neymar Jr., ostentando que ele estava presente e que agora vão ter que engolir ele;
  • A medalha de bronze no Taekwondo com o atleta Maicon de Andrade, que através da superação de saber que a mãe estava com câncer não se deixou abater;

fadebate_taekwondo

  • E para finalizar a conquista da medalha de ouro no vôlei de quadra masculino, tornando-se tricampeão olímpico, marcando a despedida do libero Serginho, mostrando um grande trabalho da equipe do técnico Bernardinho.

O presidente do Comitê Olímpico Internacional (COI), Thomas Bach, agradeceu a todos os atletas, voluntários e a todo o povo brasileiro dizendo: “ESTES FORAM JOGOS OLÍMPICOS MARAVILHOSOS NA CIDADE MARAVILHOSA”

fadebate_volei

Entregando um troféu inédito a pessoas comuns da cidade do Rio de Janeiro, após declarando encerrado os jogos olímpicos.

Agora é nossos atletas se prepararem para 2020 nas olimpíadas do Japão, com novos desafios e metas, apesar de entrar novas modalidades como Surf, Skate e outras modalidades.

Não vamos esquecer que ainda temos as paraolimpíadas aqui no Brasil, que será aberto os jogos no próximo dia 7 de setembro.

fadebate_futebol

Vamos torcer para nossos atletas paraolímpicos brasileiros.

Vai Brasil!!!

O Futebol Alegria e Debate acompanhou os jogos olímpicos e agora também acompanha os jogos paraolímpicos.

Um forte e caloroso abraço

Futebol Alegria e Debate, com você nas Olimpíadas

marcio_serikako