Colunista Luiz Ragusa Destaque

SOBRE BARRIGA DE CHOPP E SUA CONSEQUÊNCIA

MINHAS DICAS AQUI SÃO SEMPRE BASEADAS E FOMENTADAS EM ALGUM ESTUDO OU FONTE DE PESQUISA, NÃO SOU MÉDICO NEM NADA DO TIPO. PROCURE SEU  MÉDICO

Bom dia boa tarde e boa noite pra todos vocês que acompanham o Fadebate, eu sou o Luiz e estamos de volta com um alerta importantíssimo sobre a sua saúde, então, se não teve paciência pra ler meu ultimo texto, sugiro que procure dar uma atenção maior a este a seguir, pois você pode estar com uma Bomba relógio amarrada na cintura e não tem ideia, saiba por quê.

Quando o assunto é gordura abdominal, ou seja, aquela famosa capa de gordura que envolve a sua barriga e impede que abdome trincado apareça( o famoso Six Pack) deve ser mais preocupante do que apenas o foco estético, não é uma regra ser magro, não é um padrão ter aquela barriga bonita e chapada pra estourar no norte quando chega o verão, isso pode ser um objetivo de algumas pessoas(o meu, inclusive) mas é inteiramente estético isso, se trata de se sentir bem quando precisar tirar a camisa por qualquer motivo. Quanto a isso, sem crise.

fadebate_saude

Dito isto, vamos ao fator realmente importante, para que eu possa te ajudar de forma mais eficiente faça o seguinte, pegue uma fita métrica e meça a sua circunferência abdominal, da maneira abaixo:

Tire a camisa e afrouxe o cinto. Posicione a fita métrica entre a borda inferior das costelas e a borda superior do quadril. Relaxe o abdômen e expire no momento de medir. Registre a medida.

Se tiver mais de 90 cm (para homens) ou mais de 80 cm (para mulheres), você já pode ser considerado sob risco. Se as medidas forem de 102 cm para o sexo masculino e 88 cm para o feminino, o perigo é infinitamente maior.

fadebate_abdomen

A obesidade abdominal é perigosa porque está ligada ao desenvolvimento de vários fatores de risco ao coração, como níveis de colesterol, resistência à insulina, diabete tipo 2, síndrome metabólica, hipertensão e trombose. Segundo a US National Health and Nutrition Examination Survey, uma pesquisa realizada nos Estados Unidos entre 1999 e 2000, pessoas com a tal barriguinha freqüentemente visitam o clínico geral com um ou mais desses fatores de risco adicionais. Mas a principal ameaça à saúde não é a gordura subcutânea e sim a localizada ao redor dos principais órgãos do corpo, também chamada de adiposidade intra-abdominal. “Ela afeta o metabolismo da glicose, podendo causar níveis anormais de colesterol (aumentando o LDL, o mau colesterol, e reduzindo o HDL, o bom colesterol) e triglicérides”, explica Alfredo Halpern, chefe do Grupo de Obesidade e Síndrome Metabólica do Hospital das Clínicas, da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (FMUSP).

Consegue imaginar, toda essa gordura envolta dos seus principais órgãos do corpo? Envolta do seu coração por exemplo?

fadebate_exerciciosSe consegue imaginar, e melhor ainda, consegue ter a ciência da periculosidade disso para a sua saúde, te peço, por favor, cuide da sua saúde, tome cuidado com sua alimentação, preste a atenção nos exageros do final de semana, no exagero do churrasco com cerveja, no sedentarismo e na péssima qualidade de vida que você provavelmente tem. Digo isso, pelo fato de que a rotina que a maioria dos brasileiros vive hoje, é extremamente cansativa e extressante, cada vez trabalhando mais, ganhando menos e mais preocupado com o futuro, tanto de si quanto dos filhos(as)o que é natural e muito louvável, mas o perigo esta no momento quando você diz a si mesmo “ah, hoje eu mereço uma cervejinha e aquela picanha no alho(em plena segunda-feira) ou “nossa, que dia cansativo esse não? Que tal uma pizza de 4 queijos pra compensar o estresse de hoje?” Ou seja, você desconta o cansaço do dia a dia, na comida e se esquece que por exemplo, fazer exercícios físicos são comprovadamente mais eficazes no fator de controle de estresse ou ansiedade.

Entenda que, não estou aqui também para criticar seus hábitos, tão pouco para mudá-los, veja a minha tentativa de ajuda-lo(a) a olhar um pouco mais para outras alternativas, além de descontar tudo na comida, a vida é mais do que isso.

Veja que existem muitas pessoas a sua volta que sem importam e até dependem de você, se cuidar da sua saúde não é mesmo a sua prioridade, tudo bem, escolha sua, mas então o faça mesmo assim, mas em gratidão a quem te ama e se importa contigo.

FONTES

http://www.cardiol.br/imprensa/revistas/impresso/034.htm

http://vivasaude.digisa.com.br/?q=404#

 

Futebol Alegria e Debate, com você nas Olimpíadas

Abraços,

luiz-ragusa